09 agosto 2013

Le Petit Marseillais


Tudo bem que o Blog da Pipa não é um Beauty Blog, mas, como a gente gosta de escrever e de indicar bons produtos e projetos, não custa nada trazer para este espaço dicas dos produtos que mais curtimos.

Conheci a marca francesa Le Petit Marseillais através de uma amostrinha que veio em uma edição da revista espanhola Telva. É a única revista feminina que faço questão de comprar porque é realmente bem escrita. A amostra que testei foi do shampoo da linha Lait de karité et miel e foi suficiente para lavar meus cabelos, que são longos, por três vezes.

Estava com um baita de um problema nas mãos: morri de amores! Desejei com todas as minhas forças adquirir mais produtos da marca, mas ninguém vende no Brasil. Vi uma coisa ou outra perdida no Mercado Livre, mas eu não uso o serviço do site. Já tive problemas e não costumo confiar nos vendedores. No eBay você acha pouca coisa e tudo muito caro. Desisti porque já tinha a informação de que os produtos da marca na França custavam muito barato. A Le Petit Marseillais é para a França algo como a Nívea é para o Brasil.

Quando surgiu a viagem à França, surgiu junto a possibilidade de testar e fazer estoque dos produtos. Foi o que fiz. Comprei toda a linha Lait de karité et miel e também uns produtinhos extras.

Posso afirmar que as minhas expectativas foram todas alcançadas e algumas superadas. O meu cabelo é um ser rebelde. Eu não sei afirmar ao certo se ele é seco, normal ou misto. Quando está mais curto sinto o cabelo meio ressecado, mas quando está longo sinto as pontas secas e a raiz mais oleosa. Cada época do ano ele tem uma predominância diferente. Eu sempre procuro produtos para cabelos secos porque se adaptam melhor a quase todas as estações do ano.

A Le Petit Marseillais tem uma separação bem interessante nas linhas de produtos para cabelo. Há uma específica para cabelos secos e uma outra para cabelos muitos secos. A primeira funcionou muito bem comigo. Não sei se servirá para os cabelos de outras pessoas, isso é algo que nunca vou poder afirmar sobre produto algum, mas se alguém possuir os cabelos com as mesmas características que os meus, as chances de dar certo são enormes.

Os produtos custam entre 2 e 12 euros, não vi nada mais caro do que isso. Os produtos mais caros, acima de 6 euros, são óleos, máscaras e tratamentos mais específicos. São muito bons e valeram cada centavo. Sem falar que as embalagens são ótimas, algumas com potinhos de tampa metálica super reaproveitáveis. Também gosto muito dessa atmosfera meio navy retrô da marca.

Além dos produtos para cabelos eu trouxe da França sabonetes e um balm para os lábios que foi o melhor que usei na vida. Ganha para o Carmex, até então meu preferido, porque tem melhor cheiro, é mais barato, dura mais e não deixa a boca melecada. Ao todo comprei oito produtos para cabelo, 4 sabonetes e o balm. A minha única tristeza foi não ter conseguido trazer mais coisas. Fica a dica de produto para experimentar se esbarrar com a marca por aí!

Detalhe da marca com estética retrô.

Melhor balm do mundo. Tem óleo de argan, amêndoa doce e manteiga de karité.

Detalhe do ícone da marca em alto relevo na tampa metálica da máscara de tratamento.

Shampoo antirresíduos, sabonte de leite e líquido milagroso para desembaraçar, pentear e diminuir o frizz.