05 novembro 2014

Uma música, várias versões: Just the Way You Are

Cena do clip oficial Just the Way You Are de Bruno Mars (Warner Music).

Quando Michael Jackson morreu eu me senti tão órfã como na morte de Luiz Gonzaga. Foi uma associação esdrúxula, mas são os dois músicos que mais escuto no dia a dia. Ainda bem que a discografia que ambos nos deixaram é suficiente pra gente ser feliz, mesmo após suas partidas.

Uma luz fez plim nos meus olhos quando aparaceu Bruno Mars trazendo toda aquela voz e performance pra quem, assim como eu, sentia falta do Michael. Nunca serão iguais, mas o Bruno, na minha opinião, é muito bom, mesmo com todo o esforço da mídia em transformar as canções dele em uma espécie de blockbuster adolescente do mercado musical.

Gosto muito da badalada Just the Way You Are. E quando sobrou um tempinho de fim de expediente eu corri pro YouTube para ver o clipe que, além de ter a bela canção, é cheio de animações meio stop motion feitas com fios de fita K7 desenrolada (beijo pra quem também enrolou fita K7 com caneta nos anos 80!).

São esses momentos que me fazem lembrar sobre como o YouTube é maravilhoso para pesquisar, aprender e para entretenimento. Depois de ver o clipe oficial da canção fui ver as dezenas de sugestões que a rede social de vídeos oferece e fiquei até espantada com tanta coisa boa que vi. É diferente do Deezer e do Spotify porque no YouTube tem as indicações das produções do público, gente como eu e você que tá por lá mandando super bem.

É impressionante! Tem versões até melhores que a do Bruno Mars (sorry, dude!). Achei tão bom que comentei por lá e vim correndo compartilhar aqui no blog para vocês me dizerem de qual versão mais gostaram.

Aperta o play, compara e depois comenta! :)